Compaixão, sentimento que fará milagres em você.



Na prática de 17 anos como psicóloga clínica muitas vezes as pessoas me perguntam como faço para superar esse sentimento de mágoa, de raiva, de angústia. E, muitas vezes as pessoas querem uma resposta que funcione como uma varinha mágica que retire seu sofrimento, sem que ela precise fazer um movimento comprometido e dedicado dentro de si mesmo.

Primeiramente é necessário lembrar que sentimentos como raiva, ódio e mágoa são como venenos em nós, há um ditado que diz que sentir raiva de alguém seria como tomar veneno desejando que o outro seja envenenado, ou seja, só faz mal a quem sente e não diz nada aquela pessoa que o magoou.

Outro ponto que precisa ser compreendido é que sentimentos, pensamentos negativos modificam o seu corpo, causam reações que podem ao longo do tempo causar doenças. Desta forma alimentar sentimentos e pensamentos de mágoa não é saudável a própria pessoa, e a superação só pode acontecer na medida em que nos dispomos a aceitar que as pessoas possuem limitações e que o sentimento de compaixão é curativo para nós em primeiro lugar. Os orientais há muito séculos falam da importância do sentimento de compaixão, e isso inclui aceitar as fragilidades e as fraquezas das pessoas compreendendo que elas não são deuses, pois as expectativas invariavelmente são criadas por nós.

A neurociência indica que quando nosso sistema límbico, que estabelece o tom emocional da nossa mente, está muito ativo tendemos a reagir e sentir de forma mais agressiva e/ou depressiva, e que pensamentos e sentimentos como amor, compaixão, compreensão estão relacionados a um sistema límbico menos ativo. A meditação influencia diretamente o sistema límbico diminuindo sua ativação e possibilitando um estado de harmonia nas estruturas e conexões neurológicas.

Dessa forma se você está sofrendo, se a raiva e a mágoa estão torturando-o, pense na possibilidade de assumir a direção da sua vida, inicialmente aceitando o que aconteceu, aceitando as suas limitações, bem como das pessoas. Medite sobre o ocorrido e deixe o sentimento de compaixão fluir do seu coração, e lembre-se a vida e os seres humanos são complexo e sutis, portanto, não é fácil decidir quem está certo ou errado, não perca seu tempo nesta guerra infrutífera, compreenda, aceite, perdoe e deixa a compaixão curar suas feridas... E seja feliz!

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • YouTube Social  Icon
  • Facebook Basic Square

Rua: Coronel Santiago, 627

Anita Garibaldi , Joinville - SC

Whatsapp: 47 98483 1510

​© 2016 por Marínea Fediuk - Todos os Direitos Reservados a Marínea Fediuk. Orgulhosamente criado por Anchieta R.